Início Internacional Advogado mata a esposa por estar infetada com Covid-19

Advogado mata a esposa por estar infetada com Covid-19

7305
0

Nos EUA, um advogado matou a esposa, por esta estar infetada com Covid-19. Após o crime chocante, este homem também terá posto fim à própria vida, disparando com a mesma arma. O trágico incidente aconteceu no dia de Natal, pouco depois do casal descobrir que estava infetado com o coronavírus.

John Liquori era um reputado advogado no Connecticut, EUA, e é agora mais conhecido por ter matado a esposa, como avança o NY Post. O crime é ainda mais chocante por se tratar de um casal em redor dos 50 anos, de classe média, e por ter como gatilho a Covid-19.

De acordo com as primeiras informações, o motivo que terá levado a este crime seria precisamente o vírus que assustou o mundo neste 2020. A tragédia foi desvendada pelo irmão da mulher, que tinha sido chamado pelo suposto autor do crime, o cunhado John Liquori.

Então, segundo a polícia, a mulher de 55 anos de idade, estava a dormir na casa da mãe, que estava internada com Covid-19. Cindy tinha um negócio de máscaras e desinfetante e estava também contaminada com a doença do ano. O marido foi ter com ela a casa da mãe e alvejou-a.

Depois, ele juntou-se a ela e disparou sobre si próprio, supostamente. Este é o cenário descrito pela polícia de Harford, mas as investigações continuam. Este homem ligou ao cunhado a pedir-lhe para passar na casa da mãe, para ir buscar os cães. Quando chegou, o cunhado encontrou a irmã e o advogado já sem vida, num cenário macabro no dia de Natal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here